Fórum Estadual da Bahia

  • Noticias

  • Agenda

  • Biblioteca

  • Contato

Notícia

17/01/2018 12:47:49 - Atualizado em 17/01/2018 12:47:49


Crianças trabalham em fila na sede do TRE-BA

A equipe de A Tarde presenciou neste sábado, 13, cerca de 10 crianças comercializando água e alimentos entre as pessoas que aguardavam para realizar a biometria

Em meio à multidão que aguarda na fila para realizar o recadastramento biométrico na sede do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA), no Centro Administrativo (CAB), há crianças trabalhando como vendedores ambulantes.
 
A equipe de A Tarde presenciou neste sábado, 13, cerca de 10 crianças comercializando água e alimentos entre as pessoas que aguardavam para realizar a biometria. Desses vendedores, havia jovens acompanhados por adultos, mas outras crianças estavam sozinhas no vão livre do tribunal.
 
Crítica dessa situação, a vendedora ambulante Márcia Nascimento afirmou que, diariamente, as crianças costumam dormir nas proximidades das instalações do TRE. "Acho um absurdo, porque as crianças deveriam estar em casa, curtindo as férias escolares, não trabalhando aqui", opinou a ambulante, que é mãe de uma adolescente de 14 anos.
 
Procurada por A Tarde para comentar a existência de trabalho infantil nas instalações do TRE, a assessoria de comunicação informou que a fiscalização não é atribuição do orgão.
 
Já a coordenadora de abordagem social da Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza (Semps), Carolina Pugliesi, garantiu que levará uma equipe da prefeitura para checar o fato e contactar os pais dessas crianças.

Fonte: A Tarde


Deixe seu comentário

Login

Comentários (0)

Destaques

FNPETI realiza última plenária do ano

Encontro sucedeu oficina para discussão sobre participação de adolescentes com integrantes da rede do Fórum

Participantes de Seminário Nacional divulgam Carta de Brasília pela Erradicação do Trabalho Infantil

Documento conclama a necessidade de eliminação das piores formas de trabalho infantil, entre outros pontos

CONTAG repudia proposta de modalidade de ensino à distância no campo

Educação do campo precisa acontecer no campo e com currículos escolares ajustados ao contexto e à realidade dos povos do campo

MIEIB lança nota pública em defesa da democracia e dos direitos humanos

Nota refere-se ao contexto das eleições para Presidência do Brasil