Boas práticas

IPEC: atuação do Programa Internacional para a Eliminação do Trabalho Infantil no Brasil

A ideia de implementar um programa mundial de combate ao trabalho infantil, no âmbito da Organização Internacional do Trabalho (OIT), nasceu de um encontro entre o Diretor Geral da OIT e o Ministro do Trabalho da Alemanha, no outono de 1990. Naquela ocasião, o governo alemão comprometeu-se a aportar, inicialmente, 10 milhões de marcos alemães por ano para enfrentar o trabalho infantil em alguns países do mundo.

Foi então criado o Programa Internacional para a Eliminação do Trabalho Infantil (IPEC), sendo que os seis primeiros países membros da OIT escolhidos para acolher esta iniciativa foram a Índia, a Indonésia, a Tailândia, o Quênia, o Brasil, e a Turquia.

Autor(a): Os 10 Anos do IPEC no Brasil - OIT

Outros itens

Boas Práticas do Setor Saúde para a Erradicação do Trabalho Infantil

Integração de Gênero nas Ações Contra o Trabalho Infantil - OIT

Carvoarias: a Experiência do Mato Grosso do Sul

Na década de 70, o Governo Brasileiro subsidiou uma série de mega-projetos e projetos de desenvolvimento industrial, por meio de mecanismos de isen...

Combate ao Trabalho Infantil na Indústria de Calçados

A história do combate ao trabalho infantil na indústria de calçados brasileira remonta ao ano de 1992, quando a Central Única dos Trabalhadores (CU...

Fórum Nacional de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil

Criado no final de 1994, o Fórum Nacional de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil (FNPETI) tinha como objetivo propiciar uma instância aglu...