Notícia

18/10/2016 09:45:23 - Atualizado em 24/10/2016 13:18:25


Participe do Seminário de Combate ao Trabalho Infantil e Estímulo à Aprendizagem

Encontro o ocorre nos dias 20 e 21 deste mês, em Brasília, com participação do FNPETI

Estão abertas as inscrições para 3º Seminário Nacional de Combate ao Trabalho Infantil e Estímulo à Aprendizagem, que acontece nos dias 20 e 21 de outubro. O evento, organizado pelo Tribunal Superior do Trabalho, Conselho Superior da Justiça do Trabalho e Programa de Combate ao Trabalho Infantil e de Estímulo à Aprendizagem da Justiça do Trabalho, vai discutir e estimular propostas que fomentem a erradicação do trabalho infantil no Brasil e promovam o cumprimento da Lei da Aprendizagem. As inscrições são gratuitas e limitadas, e devem ser efetuadas no site do Programa.
 
A abertura do encontro contará com a palestra do ministro aposentado do Supremo Tribunal Federal Carlos Ayres Britto. A programação também conta com palestras sobre a caracterização, limites e possibilidades da aprendizagem, com a participação do FNPETI; os desafios para a eficácia da Lei do Aprendiz; experiências e boas práticas no Brasil; e a educação e aprendizagem como instrumentos de combate ao trabalho infantil na cidade e no campo.
 
O seminário é voltado para magistrados, procuradores, auditores fiscais do trabalho, servidores, organizações não-governamentais, empresas, operadores de direito, estudantes, conselheiros tutelares e profissionais que atuam na rede de proteção à criança e ao adolescente.
 
Clique aqui para fazer sua inscrição e aqui para acessar a programação completa
 
Serviço:
 
3º Seminário Nacional de Combate ao Trabalho Infantil e Estímulo à Aprendizagem
Dias: 20 e 21 de outubro
Local: Tribunal Superior do Trabalho - auditório ministro Arnaldo Süssekind, térreo, Bloco B
 

Fonte: TST


Deixe seu comentário

Login

Comentários (1)

Heli cristina Antonia Dos Santos

27 de Janeiro de 2017 às 11:12:03
Eu gostaria de participar mas acho que as inscrições já foram encerradas.

Destaques

Crianças imigrantes vivem em condições aterrorizantes, diz órgão europeu

Expostas a abusos sexuais e trabalho forçado, elas não têm acesso à educação ou saúde

Cabe à Justiça do Trabalho autorizar artistas mirins, defendem juízes

Ação da Abert no STF que questiona competência da Justiça do Trabalho pode resultar em retrocesso

Fundação Abrinq divulga panorama da infância

Estudo reúne dados sobre a situação da infância e adolescência no Brasil, com informações sobre trabalho infantil

Exploração sexual é recorrente em embarcações da Amazônia

Em entrevista à Rádio Nacional, juíza paraense premiada pelo CNJ lembra que luta contra esse crime precisa envolver toda a sociedade