Notícia

18/10/2016 09:45:23 - Atualizado em 24/10/2016 13:18:25


Participe do Seminário de Combate ao Trabalho Infantil e Estímulo à Aprendizagem

Encontro o ocorre nos dias 20 e 21 deste mês, em Brasília, com participação do FNPETI

Estão abertas as inscrições para 3º Seminário Nacional de Combate ao Trabalho Infantil e Estímulo à Aprendizagem, que acontece nos dias 20 e 21 de outubro. O evento, organizado pelo Tribunal Superior do Trabalho, Conselho Superior da Justiça do Trabalho e Programa de Combate ao Trabalho Infantil e de Estímulo à Aprendizagem da Justiça do Trabalho, vai discutir e estimular propostas que fomentem a erradicação do trabalho infantil no Brasil e promovam o cumprimento da Lei da Aprendizagem. As inscrições são gratuitas e limitadas, e devem ser efetuadas no site do Programa.
 
A abertura do encontro contará com a palestra do ministro aposentado do Supremo Tribunal Federal Carlos Ayres Britto. A programação também conta com palestras sobre a caracterização, limites e possibilidades da aprendizagem, com a participação do FNPETI; os desafios para a eficácia da Lei do Aprendiz; experiências e boas práticas no Brasil; e a educação e aprendizagem como instrumentos de combate ao trabalho infantil na cidade e no campo.
 
O seminário é voltado para magistrados, procuradores, auditores fiscais do trabalho, servidores, organizações não-governamentais, empresas, operadores de direito, estudantes, conselheiros tutelares e profissionais que atuam na rede de proteção à criança e ao adolescente.
 
Clique aqui para fazer sua inscrição e aqui para acessar a programação completa
 
Serviço:
 
3º Seminário Nacional de Combate ao Trabalho Infantil e Estímulo à Aprendizagem
Dias: 20 e 21 de outubro
Local: Tribunal Superior do Trabalho - auditório ministro Arnaldo Süssekind, térreo, Bloco B
 

Fonte: TST


Deixe seu comentário

Login

Comentários (1)

Heli cristina Antonia Dos Santos

27 de Janeiro de 2017 às 11:12:03
Eu gostaria de participar mas acho que as inscrições já foram encerradas.

Destaques

FNPETI participa da 2ª Jornada Nacional de Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora

Fórum aborda a vulnerabilidade de crianças e adolescentes em situação de trabalho infantil

Aumenta o número de crianças em situação de pobreza entre 2016 e 2017

IBGE divulga Síntese dos Indicadores Sociais. m 2017, dois em cada cinco trabalhadores do país eram informais

O gosto amargo do trabalho infantil e do trabalho escravo pode estar no chocolate

Para conscientizar os envolvidos na cadeia produtiva do cacau no Brasil, MPT e OIT divulgam pesquisa e documentário

Acesse o III Plano Nacional de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil e Proteção ao Adolescente Trabalhador

Plano abrange os anos de 2019 a 2022 e está disponível no site do FNPETI