Notícia

14/05/2018 10:55:27 - Atualizado em 17/05/2018 11:57:26


Assista ao 2º Congresso Brasileiro de Enfrentamento à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes pela internet

A programação dos três dias será transmitida ao vivo e online pelo Canal Futura

2º Congresso Brasileiro de Enfrentamento à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes (CBEVS) , que acontece entre os dias 14 e 16 de maio, em Brasília-DF, tem transmissão ao vivo pela internet.

É possível acompanhar os três dias de evento pela página do Facebook do Canal Futura e site do Canal Futura.

O Congresso tem como tema  “Outros olhares, reflexões e práticas na defesa dos direitos humanos sexuais de crianças e adolescentes”, pretende oportunizar um espaço para troca de experiências e reflexão sobre a violência sexual contra crianças e adolescentes intersetorial e interinstitucional.

Durante três dias, a segunda edição do Congresso será o espaço de diálogo de cerca de 500 atores estratégicos diversos – gestores públicos, representantes de movimentos sociais, organizações da sociedade civil, membros do judiciário, empresas, parlamento, pesquisadores, estudiosos e adolescentes de todo o território nacional – para discutir os cenários da violência e as possibilidades e alternativas conjuntas para seu o enfrentamento. 

SERVIÇO:

Local e data: Centro de Convenções Ulisses Guimarães, Brasília-DF, 14 a 16 de maio de 2018.

Informações: www.cbevs.weebly.com

Link de transmissão online: www.facebook.com/canalfuturaoficial | www.futuraplay.org

Contato para imprensa: 18demaiobrasil@gmail.com.

 


Deixe seu comentário

Login

Comentários (1)

cleiton

08 de Setembro de 2018 às 21:16:11


Destaques

FNPETI participa da 2ª Jornada Nacional de Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora

Fórum aborda a vulnerabilidade de crianças e adolescentes em situação de trabalho infantil

Aumenta o número de crianças em situação de pobreza entre 2016 e 2017

IBGE divulga Síntese dos Indicadores Sociais. m 2017, dois em cada cinco trabalhadores do país eram informais

O gosto amargo do trabalho infantil e do trabalho escravo pode estar no chocolate

Para conscientizar os envolvidos na cadeia produtiva do cacau no Brasil, MPT e OIT divulgam pesquisa e documentário

Acesse o III Plano Nacional de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil e Proteção ao Adolescente Trabalhador

Plano abrange os anos de 2019 a 2022 e está disponível no site do FNPETI