Notícia

30/01/2019 15:32:03 - Atualizado em 30/01/2019 15:32:04


Ministério da Cidadania abre consulta pública sobre o fluxo de identificação do trabalho infantil

O documento para avaliação está disponível no site da instituição.

Imagem: retirada do blog do MDS

O Ministério da Cidadania, por meio da Secretaria Especial do Desenvolvimento Social, abriu consulta pública sobre o modelo de fluxo de identificação e encaminhamento para os casos de trabalho infantil no Sistema Único de Assistência Social (SUAS). 

O objetivo é melhorar o atendimento aos casos de violação dos direitos de crianças e adolescentes por meio do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI). 
 
O documento para avaliação está disponível no site do Ministério da Cidadania (veja aqui). 
 
As sugestões devem ser enviadas por meio de formulário próprio, também publicado no site do Ministério (aqui), até o dia 1º de março de 2019, pelo endereço eletrônico: agendapeti@mds.gov.br.
 
 

Fonte: MDS


Deixe seu comentário

Login

Comentários (0)

Destaques

Mais de 43 mil crianças e adolescentes sofreram acidentes de trabalho nos últimos 11 anos no país

Entre os casos, estão mutilações, traumatismos, intoxicações e fraturas. Também há casos de acidentes fatais.

FNPETI se manifesta contra a extinção da Conaeti – Comissão Nacional de Erradicação do Trabalho Infantil

Nota pública referente ao Decreto nº 9.759/2019, publicado no dia 11 de abril, no Diário Oficial da União.

FNPETI lança nova marca institucional

A nova marca celebra seus 25 anos de atuação pela eliminação do trabalho infantil no Brasil.

Rede Nacional debate ações para o enfrentamento do trabalho infantil no país.

O Brasil tem mais de 2,4 milhões de crianças e adolescentes entre cinco e 17 anos trabalhando, de acordo com dados do IBGE.