Fórum Estadual do Piauí

  • Noticias

  • Agenda

  • Biblioteca

  • Contato

Notícia

03/07/2017 13:46:12 - Atualizado em 03/07/2017 13:46:12


Cocal realiza Fórum de Enfrentamento ao Trabalho Infantil

Encontro faz parte de uma campanha de defesa dos direitos de crianças e adolescentes

A Prefeitura de Cocal, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social, realizou, na terça-feira (27), um fórum de discussão sobre ações estratégicas de enfrentamento ao trabalho infantil. O evento faz parte da campanha “Construindo propostas de intervenção com as juventudes”.

Durante o encontro, a Comissão Municipal de Erradicação do Trabalho Infantil, formada por representantes do governo estadual, Secretaria Municipal de Assistência Social, Secretaria Municipal de Educação, Secretaria Municipal de Saúde, Conselho Municipal de Assistência Social, Conselho Municipal dos Direitos da Crianças e do Adolescente e Conselho Tutelar, trataram sobre pontos importantes para a erradicação do trabalho infantil em Cocal.

“É proibido o trabalho a menores de 18 anos e, essencialmente, aos menores de 16 anos. A partir dos 14 anos, há a aprendizagem. Nos últimos 20 anos, a partir da instituição do Estatuto da Criança e do Adolescente foi que as políticas públicas de enfrentamento ao trabalho infantil ganharam destaque e nós estamos aqui para continuar lutando pelos direitos das crianças e adolescentes”, pontua Márcia Aguiar, assessora técnica da Secretaria Municipal de Assistência Social.

Segundo a secretária municipal de Assistência Social, Deuzenir Portela, o fórum é uma etapa importante para o combate ao trabalho infantil. “Para nós, cocalenses, é o primeiro fórum, então nós, como gestão, sentimo-nos muitos felizes em saber que estamos dando esse importante passo. O trabalho infantil atrapalha a infância, atrapalha o estudo e o desenvolvimento dessas crianças e adolescentes. E por isso nós estamos à frente para fazer esse combate, no intuito de tentar conscientizar o povo cocalense sobre qual o lugar certo da criança e do adolescente”, explica a secretária.

O prefeito de Cocal, Rubens Vieira, também esteve presente e falou sobre a responsabilidade da Prefeitura na proteção das crianças e adolescentes. “Nós temos como meta erradicar o trabalho infantil em nossa cidade. Todas as crianças têm o direito de vivenciar sua infância de forma livre e adequada, portanto, nós, enquanto gestores responsáveis pelo nosso povo, vamos intensificar o enfrentamento a quaisquer tipos de violação desses direitos a fim de garantir uma vida digna às crianças e adolescentes cocalenses”, finaliza Rubens Vieira.

Fonte: Portal O Dia


Deixe seu comentário

Login

Comentários (0)

Destaques

Intoxicação por agrotóxicos atinge as escolas rurais

Noventa crianças e jovens, intoxicadas em Goiás em 2013, estão abandonadas, denuncia o então diretor da escola - demitido e silenciado

Comentário Geral nº 19 da ONU recebe primeira tradução em língua portuguesa

Documento disponível para download aborda a elaboração de orçamentos públicos para efetivar os direitos das crianças

FNPETI debate a prevenção do envolvimento de crianças e adolescentes no tráfico de drogas

Grupo de trabalho realizou o primeiro de três encontros na quinta-feira (12)

FNPETI lança campanha #votepelosdireitos no aniversário do ECA

Mobilização chama a atenção para a necessidade de escolher candidatos que tenham compromisso com os direitos humanos, principalmente de crianças e adolescentes