Fórum Estadual do Rio Grande do Norte

  • Noticias

  • Agenda

  • Biblioteca

  • Contato

Notícia

09/10/2017 13:21:43 - Atualizado em 09/10/2017 13:25:08


Oficina Pedra, Papel e Tesoura reúne representantes de oito municípios de RN em Natal

Participantes serão multiplicadores da metodologia em suas cidades para abordar o trabalho infantil

O Fórum Estadual de Combate ao Trabalho da Criança e Proteção ao Trabalhador Adolescente (FOCA-RN) realizou, em parceria com o Canal Futura, a oficina Pedra, Papel e Tesoura, em Natal, com representantes de oito municípios do Rio Grande do Norte. 

 
A oficina aconteceu no dia 21 de setembro, com a participação de técnicos das pastas de Educação e Assistência Social, além de integrantes do FOCA, com a proposta de torna-los multiplicadores, em seus municípios, da metodologia, que será utilizada para tratar de assuntos relacionados ao trabalho infantil.
 
A Oficina faz parte do planejamento das ações do Fórum Estadual  alusivas ao dia 12 de outubro, tendo como foco as escolas, onde vem sendo desenvolvido um trabalho em parceria com o Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest-RN), visando disseminação da temática " Trabalho Infantil  e os prejuízos para a saúde". O encontro teve como parceiro o (Cerest-RN) e aconteceu no auditório da Secretaria do Estado de Saúde Pública (SESAP-RN).
 


Deixe seu comentário

Login

Comentários (0)

Destaques

Prêmio MPT na Escola será entregue na segunda-feira

Foram 51 trabalhos classificados para a etapa nacional, dos quais 30 serão premiados em cerimônia em 11 de dezembro em Brasília

Trabalho infantil, racismo e manipulação nos dados da PNAD

Em artigo, procuradora do Trabalho Elisiane Santos declara que mais de 1 milhão de trabalhadores infantis estão invisíveis na pesquisa

Nota explicativa sobre os dados de trabalho infantil da PNAD Contínua 2016

Ao apresentar número absoluto de trabalho infantil, não foram somados os dados de crianças e adolescentes que trabalham para o próprio consumo

Salvador debate sobre extermínio da juventude negra

Audiência pública acontece na próxima terça-feira (28), como parte das ações do Novembro Negro na capital baiana